Old Dragon: Lorde Easterling e os Raposas Vermelhas

Atenção! Esse post contém spoilers da aventura O Templo do Rei Lagarto, publicada anteriormente nesse blog. Também faz uso de regras presentes no livro Senhores da Guerra, já disponível no site da Redbox Editora.

Na aventura O Templo do Rei Lagarto, os personagens procuram pelo Lorde Easterling, que teria se perdido em uma expedição em busca do tal templo. No desenrolar da aventura, os reais interesses de Lorde Easterling são revelados e é sugerida uma continuação para a aventura, onde os aventureiros vão impedir sua dominação sobre os nativos da ilha.

Esse post apresenta Lorde Easterling e sua companhia mercenária: Raposas Vermelhas.

Lorde Easterling

Lorde Easterling é um recém-nobre, um líder mercenário que adquiriu seu título de nobreza com os espólios de guerra. A visão dos outros nobres sobre esse homem é como um mendigo usando roupas boas, alguém que não pertence àquele lugar. Muito admirado por seus mercenários, é seguido fielmente por alguns deles, que o acompanharam em seu plano de tomar as riquezas de Tetistuan e traficar as pedras preciosas da ilha com piratas.

Um bom estrategista, tendo vencido muitas batalhas, Lorde Easterling coordenou seus homens na fortificação da vila que tomaram, fazendo com que batedores colocassem armadilhas em pontos estratégicos e preparando seus homens para andarem em pequenos grupos com apitos para que pudessem avisar de qualquer problema com os nativos que escravizaram.

lorde-easterling

Lorde Easterling por João Gabriel Guimarães

Homem-de-Armas de 5º nível (Líder Nato), Caótico
Tamanho
 Médio
Prêmios 50%
XP 320
Movimento 8 metros
Moral 12

For 16 | Con 11 | Sab 13
Des 13 | Int 14 | Car 16

CA 17 (+5 cota de malha, +1 escudo de madeira, +1 Des)
JP 15 (Des +1, Con +0, Sab +1)
DV 5 (43)
Ataques:
lança +8, iniciativa +4, 1d6+3
espada longa +8, iniciativa +5, 1d8+3

Líder Nato: Quando luta coordenando seus homens, dá um bônus de +4 no bônus de ataque ou na Jogada de Proteção.

Raposas Vermelhas: Batedor

Os batedores dos Raposas vermelhas usam uma pintura de guerra no rosto, com tinta preta para dar sombra nos olhos e poderem se camuflar na vegetação onde se encontram. Usam uma armadura de couro como proteção e procuram ser rápidos para encontrar ameaças e tomá-las de assalto, usando furtividade ou ataques à distância, ou para retornarem para o grupo principal com informações sobre a área que perscrutaram.

Batedor de 2º nível, Neutro
Tamanho
 Médio
Prêmios Nenhum
XP 75
Movimento 9 metros
Moral 8

For 14 | Con 14 | Sab 13
Des 14 | Int 12 | Car 11

CA 14 (+2 armadura de couro, +2 Des)
JP 15 (Des +2, Con +2, Sab +1)
DV 2 (11/16)
Ataques:
adaga +3, iniciativa +8, 1d4+2
arco curto (flecha de guerra) +3, iniciativa +3, alcance 15/30/45, 1d8

Batedor: Recebe +2 de dano no ataque quando possui a maior iniciativa da rodada.

AF      –     | EM 81% | ES 20% | OB   1-2
RDA 25% | MS 35%  | P   30% | APC x2

Raposas Vermelhas: Mercenário

O mercenário padrão dos Raposas Vermelhas usa armadura de couro, uma espada longa e um escudo de madeira com seu símbolo pintado.

Homem-de-Armas de 1º nível, Neutro
Tamanho
 Médio
Prêmios Nenhum
XP 25
Movimento 9 metros
Moral 8

For 14 | Con 13 | Sab 8
Des 11 | Int 11 | Car 10

CA 13 (+2 armadura de couro, +1 escudo de madeira)
JP 16 (Des +0, Con +1, Sab -1)
DV 1+1 (6/9)
Ataques:
espada longa +3, iniciativa +5, 1d8+2

Anúncios

Um comentário sobre “Old Dragon: Lorde Easterling e os Raposas Vermelhas

  1. Pingback: Old Dragon: O Templo do Rei Lagarto | As Minas de Sal de Zanzer Tem

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s