Old Dragon: Drahamesh, a serpente gélida

Como havia comentado no post anterior, tinha construído dois monstros usando as tabelas aleatórias para dragões únicos. O segundo monstro foi Drahamesh, a serpente gélida, mas dado o fim da campanha, os jogadores não puderam enfrentá-la. Uma pena, queria ver como eles se sairiam contra os efeitos da língua da serpente.

Esse post faz referência a material desenvolvido por Rafael Beltrame (aventura Que As Aventuras Comecem, suplemento Mestres dos Caminhos Perdidos e suplemento Sombras e Segredos ) e Matheus Palma Rocha (aventura O Passo do Carvalho)

Drahamesh, a Serpente Gélida

Essa vil criatura faz sua toca nas geladas cavernas das montanhas ao norte de Hamming. Suas escamas são brancas com tons de verde, espalhadas em um padrão regular, seus olhos azuis são seguidos por espinhos onde seriam suas sobrancelhas e seu corpo serpentino não apresenta membros.

Os poucos que já encontraram com Drahamesh sabem que a serpente honra seus acordos, embora ela tente perverter os detalhes a seu favor. Dizem que a Khariana, a feiticeira branca, fez acordos com Drahamesh, sendo a única que sabe seu nome verdadeiro e o que de fato se encerra em seu covil.

Usando sua tática de se entocar no chão, deixando apenas a um buraco pequeno o suficiente para sua língua e narinas, Drahamesh fez com que aventureiros que tentassem invadir seu covil entrassem em desespero com seu poder de loucura e deixassem cair seus equipamentos. Aqueles tocados por sua língua que conseguiram fugir antes de serem devorados e tiveram a sorte de não morrerem nas montanhas, chegaram a Hamming balbuciando coisas sem sentido. Por vezes eram glórias à serpente gélida e sua graça, outras eram gritos de desespero.

Tamanho e alinhamento: Grande / Leal
Tipo: Aberração / Dragão
Encontros: 1 (único)
Prêmios: 50% + 1d4 itens mágicos
XP: 2575
Movimento: 9m / 4,5m (escavando)
Moral: 10 (fora) / 12 (covil)

Força: 23 (+6) Constituição: 19 (+4) Sabedoria: 11 (+0)
Destreza: 10 (+0) Inteligência: 10 Carisma: 15 (+2)

CA: 18
JP: 13 (Constituição +4)
DV: 9 (90 pvs)
Ataques:
Mordida +12 – 1d6 + 6
Língua +8 – 1d4 + 0
Baforada

Língua: Uma criatura que seja tocada pela língua de Drahamesh, voluntária ou involuntariamente, pode ser acometida de loucura. O personagem atingido deve rolar uma JP baseada em Sabedoria. Falha resulta em loucura. Os efeitos são similares à magia Medo conjurada por um mago de 9º nível. Mestres que tenham acesso à aventura Caos em Belmont podem querer usar a tabela de efeitos opressivos, ou montar um sistema para loucura.

Baforada: Cone de 20m de comprimento e 5m de largura na base. Causa 3d6 de dano por frio. 1 vez por dia.

Tesouro:
8750 peças de cobre, 5000 peças de prata, 200 peças de ouro, 1 broche de platina no formato de um elefante, 3 pedras ônix, 1 quartzo. 1 jade, braceletes de armadura +1 – As Braçadeiras de Latão, cetro de Remover Maldição (caótico) – um cetro de carvalho com um âmbar na ponta, 1 poção de curar ferimentos leves (1d8+5), aljava com 20 flechas de caça +1 – uma aljava de couro com uma inscrição em élfico que traduz para “Espinhos”.

Se encontrada em seu covil, Drahamesh tem 40% de chance de estar dormindo. A língua de Drahamesh pode ser usada para fabricar um chicote +1 capaz de aterrorizar ou para confeccionar uma poção de loucura, com o mesmo efeito do toque de sua língua.

Itens mágicos:

Braçadeiras de Latão – Esse par de braçadeiras de latão envelhecido foi usado por Breg Nordwick, um nortista de braços largos que lutou na guerra que culminou na anexação de Passo do Carvalho como protetorado do Forte Portão do Inverno. Dizem que espadas e flechas resvalaram em suas braçadeiras. Quando Breg caiu, seu machado foi recuperado, mas suas braçadeiras não mais foram vistas. Braceletes de armadura +1 (ordeiro).

Espinhos – Os elfos de Aidalin são conhecidos por serem arqueiros mortais. Entre os seus, há o grupo dos Penas Vermelhas, uma tropa de cavaleiros de grifos. Os mais respeitados entre eles recebem uma sela e uma aljava especiais, com a marca da Pena Vermelha. Essa aljava de couro tem a marca da Pena Vermelha dos elfos de Aidalin e uma inscrição em élfico que se lê “Espinhos”. Aljava com 20 flechas de caça +1.

Anúncios

2 comentários sobre “Old Dragon: Drahamesh, a serpente gélida

  1. Pingback: Old Dragon: Breg Nordwick | As Minas de Sal de Zanzer Tem

  2. Pingback: Dia das Bruxas 2016: Old Dragon – A volta de Breg Nordwick | As Minas de Sal de Zanzer Tem

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s